Todo Mundo Merece

Olha que legal. Uma empresa com foco em tabaco e turismo, a Adris Grupo, fez surgir aquela luz quando temos uma ideia bacana. Criaram um caderno/anual/relatório que brilha no escuro! SENSACIONAL!! Claro que todo mundo merece um caderno desse! Isso foi feito em 2009, mas é uma super inspiração.


Via: Yatzer

Publicado em Design, Dica | Marcado com , , | Deixe um comentário

Cover de Segunda (feira)

Coeur de Pirate – Lasso (Phoenix Cover)

Publicado em Cover | Marcado com , , | Deixe um comentário

Sexta

Blue Six – You Play Too Rough

Publicado em Clipe | Marcado com , | Deixe um comentário

Cover de Segunda (feira)

Lissie – Bad Romance (Lady Gaga cover)

Publicado em Cover | Marcado com , , | Deixe um comentário

Eu canto com você Florence

A garota dessa sexta é a Florence!!!

Aqui ela acompanha Madonna e dá uma aquela suuuper vontade de cantar com ela!!! E fala que ela não é super fofa!!!

E todo mundo viu o  vídeo dela com o The XX no Glastonbury 2010 (eu ainda vou nesse festival) e mostrando um dos melhores remix ao vivo. Lindo!!! (não achei outro vídeo)

E claro todo o amor de Cosmic Love!

Publicado em Clipe, Cover | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

É muito barulho

Música eletrônica + videogame + atitude punk = Dirty Noise


Com uma forte influência do techno, seu som parte do maximal para as outros vertentes da música eletrônica Viciado em tecnologia e plugado 24 horas, Dirty Noise, encontra na internet um público que assim como ele busca novidades. Na rede seus megamixes fazem sucesso e sempre tem novos. Noise também escreve no blog Stereolize (que foi indicado pela DJ MAG). Dentre os clubs e festas onde já tocou, destaque para a festa Vive La Musique, Aquavit, Casa do Lado, Havana Café e e residente da festa Shakin’ que acontece no club Nox Versus, em Caxias. Recentemente fez duas apresentações na Argentina. Seus remixes já foram destaque no Hype Machine e também foi destaque em alguns blogs aqui no Brasil e na gringa.

Oi, tudo bem?
Tudo mais do que ótimo. Graças a Deus.

Idade, o que faz e onde vive?
33 anos, sou DJ desde 1990, mas parei em 2003 e voltei a tocar no final de 2008. Mas não uso “DJ” antes do nome porque isso hoje é muito bagaceiro. Todo mundo é DJ. Vivo em Porto Alegre, na verdade na região metropolitana, Sapucaia do Sul.

Como você se inspira para fazer seu trabalho?
Mas me inspiro nos grandes, nada com final “inho”. Nunca tenho uma regra, apenas vou fazendo o que tenho vontade, o que estou curtindo.

Você ouve as músicas que seus pais ouviam?

Eu ouço muita música, muita mesmo, então acredito que eu devo ouvir alguma coisa que meus pais ouviam, mas eles nunca foram ligados à música.

Usaria as roupas que seu pai usava quando você era criança?
Jamais hehehehehe

Qual o evento que mega gostaria de fazer/produzir?
O festival I Love Techno de 2009, teve um line up incrível.

Quem não pode faltar no seu set? E no seu guarda roupa?
Bloody Beetroots, sempre. Não sou muito ligado à moda, uso o básico, camiseta e calça jeans.

O que prefere impresso ou virtual? E o que tem lido?
O impresso é muito caro, mas impressiona quando bem feito, por outro lado, o virtual não tem limites. E-mails, papos por msn e frases com não mais de 140 caracteres.

Como será a Dirty Noise daqui 3 anos?
Se for pensar no som, é muito difícil prever, o meu set muda totalmente a cada mês.

Uma dica para os leitores do Smackup, tipo filmes, livro, resturantes?
Acabei de chegar da Argentina, onde toquei em duas festas, então minha dica é: Vão para lá, as festas são incríveis e as pessoas são muito amáveis. Deixem a rivalidade do futebol de lado.

Tem algum bafo pra contar pra gente?
Na próxima semana saí uma mixtape nova, mas com alguns clássicos do techno.

Se fosse pra ser um personagem de desenho animado quem seria?
Minha filha gostaria que eu fosse o Pica Pau, ela adora (rsrsrs).

O que tem agora no seu iPod?
Não tenho iPod, mas gosto muito de ouvir músicas depressivas de artistas como Moby, Smashing Pumpkins e Radiohead. Bem diferente do meu som que é bem up.

Qual seu último ataque de consumo?
Não tenho conseguido ter estes ataques, a grana esta curta hehehehe

myspace
soundcloud
@dirtynoise

Publicado em Entrevista | Marcado com , | Deixe um comentário

Villa Nah

Confesso que essa semana estou realmente “synt” e com isso tenho encontrado algumas coisas até então novas (pelo menos pra mim). Villa Nah foi um desses achados que faz a gente ficar feliz. Os caras são da Finlândia (será que conheço mais alguém de lá?) e lembra muita banda legal. Com vocais simples e “synt´s” perfeitos com efeitos certos.

Publicado em Dica, Música | Marcado com , | Deixe um comentário